Siga-me.

24 de agosto de 2006

Cecília Meireles aqui hoje também..

"...Liberdade, essa palavra que o sonho humano alimenta, que não há ninguém que explique, e ninguém que não entenda..."

(Romanceiro da Inconfidência)

Nenhum comentário: