Siga-me.

17 de setembro de 2006

Basta de tentar entender o amor.

..Ver voce, rever voce, parece ser a única coisa que mexe comigo de verdade.
Me faz passar dias depois sem respirar direito, sem pensar direito, sem concentração, até conseguir uma constância em reflexos e ações.
Não, não se configura uma paixão mais, nem um arroubo, mas fico entorpecida.
Nosso toque parece ter vindo de outras vidas.
Os beijos, parecem ser resultado já de encarnações várias de romances da Idade Média.
O carinho que parece fazer o mundo parar, de todo vem nos refazendo os neurônios, as partes do corpo que precisam, que podem estar precisando de mais saúde.
O cheiro que sinto em você, desentope minhas narinas, descongestiona.
O matar da saudade que se acumula, no lufa-lufa da vida, que nos juntou e nos afastou, parece que é uma necessidade vital sim. Precisamos matar sempre essa saudade. Mas eu não sei porque chama-se MATAR, se ela nunca morre, ou ressurge sempre... não morre não.
Você é lindo e eu não canso de olhar, quando estou a tentar matar essa saudade.
Seus conflitos tornam-se meus, os meus tornam-se seus. A tristeza por algo que voce sente, eu passo a sentir. As alegrias nos fazem felizes. Nada disso tem explicação. Sente-se e pronto.
Eu não sei porque nada disso, e, como dissemos, basta de buscar explicações para o amor, ou pra o que ele seja. Vamos só descansar um nos braços do outro e dormir o sono dos justos.
Eu amo você, voce me ama e acabou.
Não vamos ficar juntos, mas nos queremos pra sempre em nossas vidas.
Esta é a explicação.

5 comentários:

Anônimo disse...

profundo heinnn!!!!! e s�rio!!!!

Galo

Anônimo disse...

profundo heinnn!!!! e serio!!!!


Galo

sua amiga Cindy disse...

"Nao vamos ficar juntos"...
Nunca diga "Nao"...

Vc sabe que o passado lah estah...
O presente vivemos...
E o futuro a Deus pertence!!!!

Eh... Seu fds foi otimo,hem??? ;)

Bjx

Dôra disse...

Lindo o seu texto Helena... Lindo o amor assim ladeado de uma liberdade cônscia, definitiva, assim como definitivos são os sentimentos bons, e estes sim valem a pena. Sempre.
:)*

Nill Costa disse...

lindo d+!!....
e me tocou..como se fossem palavras
que um dia eu quis proferir..
nossa!!!(de arrombar!!! hehehh)