Siga-me.

23 de janeiro de 2007

Um coment de hoje:

"Anônimo disse...

Este poema sempre me lembra voce!

COMPASSO

"Se forem duas, sua equivalência às pernas de um compasso as torna iguais; tua alma, a perna fixa, na aparência é imóvel, mas se move se a outra o faz. E sem deixar o centro em que se assenta, saindo a companheira a viajar, inclina-se por ela e a segue atenta, e fica ereta com sua volta ao lar. É o que farás por mim , que ora desliso como a perna que oblíqua se separa; porque és firme, o meu círculo é preciso, e venho terminar onde iniciara."

John Donne - Um dos grandes poetas do inicio do seculo 17."
...............
Obrigada, muito lindo! Fiquei lisonjeada.
Mas voce é quem eu estou pensando?
Se não, depois voce me diz quem voce é? É porque senão morro. Morro de tão curiosa.

Um comentário:

sua amiga cindy disse...

Lindiiiiiiiiiiiiinho... ;)