Siga-me.

13 de agosto de 2007

Parei pra pensar.

Nos poucos momentos de reflexão que tive esse final de semana, parei pra pensar numa coisa importantíssima: prefiro perder amizades que perder minha identidade. E mais, jamais me agrediria, fazendo coisas que não tô a fim, só porque preciso preservar algumas pessoas ao meu lado. Constatações importantes e que não são fáceis de por em prática, mas como eu não tenho medo de coisas difíceis, jogo duro e mando brasa.

Um comentário:

sua amiga cindy disse...

Acho engracado isso... As pessoas q nos cercam sao cheias de expectativas falsas e dizem que "decepciono"... KKKKKKKK Esquecem de nos aceitar como somos... verdadeiras... com vontade propria...