Siga-me.

21 de agosto de 2008

Tempo, tempo, tempo...


Hoje meu coração está em frangalhos de saudade dos meus filhos. Queria muito estar perto deles, porque embora Feira seja perto, não estou no contidiano deles nem eles no meu.
Peço a Deus que este tempo seja abreviado e a gente possa ficar juntos de novo.

Amém.

2 comentários:

Anônimo disse...

Entendo exatamente comeh isso...
Nossos filhos foram criados pra voar, mas ainda queremos compartilhar o dia-aa-dia... Dividir as alegrias as dores os desafios...

sac

Nill Costa disse...

Amém!!!
Loira..????!!!....