Siga-me.

20 de novembro de 2009

Fuga.

O segundo minuto é sempre o mais tenso. Vamos deixar então só no primeiro?

Nenhum comentário: