Siga-me.

25 de julho de 2012

Hoje.

"A vida é bela, cruel e despida. Tão desprevenida e exata. Que um dia acaba!" (CAZUZA)

Nenhum comentário: