Siga-me.

1 de fevereiro de 2015

Stop.

“Há um equilíbrio tênue entre o que te faz andar e o que te faz parar; muitas vezes, é o que te faz parar que te faz andar.”

Pedro Chagas Freitas

Nenhum comentário: